BAÚ DE MEMÓRIAS - O DOCE ESPORTE DO SEXO ( O TRABALHO MAIS AMARGO DE CHICO ANYSIO )

11/09/2020

Chico Anysio tinha " Trauma " de seu primeiro trabalho Cinematográfico. Após as tentativas de estrear nas Telonas com O HOMEM QUE COMPROU O MUNDO, em 1968 e KIKO, em 1969, ambos Projetos que não tiveram Continuidade e não se Concretizaram, veio a ideia de O DOCE ESPORTE DO SEXO. 

" Fiz o filme para o meu irmão. Zelito ( Vianna ) me convidou para o fazer e eu Topei. Seria um filme em Episódios. Foram escritos pelo Vianninha, Armando Costa, Arnald ( Rodrigues ) e Eu. Tudo realizado em Locação. Um trabalho desagradável, porque o assistente do Zelito era muito chato. Joaquim, era o nome dele.. (.. ) ..O Joaquim ( que nunca tinha feito nada na vida ) queria dizer para mim o que era engraçado e o que não era. Queria me ensinar a INFLEXÃO, o GESTO, dava palpite em tudo. Nunca perguntei ao Zelito por que ele permitia tanto ' pitaco' de um cara sem o menor Pedigree no Humor.. ..Que qualificação tinha o Joaquim para me ensinar alguma coisa de Humor ? (.. ) ..Ele Cortava, Acrescentava, Tirava, Punha, Mudava, Mexia, enchia o Saco ! Não parei o trabalho no meio para não dar prejuízo ao meu irmão.. Se eu já não gostava de Cinema, o Joaquim conseguiu me colocar com ÓDIO. "

Ao contrário do que as Notícias da época declaravam, Armando Costa ( um dos Roteiristas dos Episódios ) não assumiu a Direção. O Próprio Zelito assumiu e tinha Joaquim de Assis como seu Assistente. Também não houveram 16 Personagens ( foram reduzidos para apenas 5, distribuídos em BLOCOS diferentes ).

" Eu devia ter colocado tudo em Ordem com uma Frase :

- Decida, Zelito : o Joaquim ou Eu !

Não sei a razão de não ter dito isso. Acho que queria evitar um problema para meu irmão. Era para Ele que eu estava fazendo o filme, então, que o filme fosse feito como ele queria. Se Ele aceitava todos os palpites babacas do Joaquim, então Joaquim, para Ele, devia ser Importante. Além disso, era um dos primeiros filmes do Zelito, ele estava um pouco Inseguro ainda. " 

" A minha preocupação era se a coisa seria capaz de se Impor mesmo sem o Chico. Quer dizer, interessava-me o Peso e o Valor das próprias " historietas " como veículo de Comicidade. Não que Eu não gostasse da Contribuição de Chico, tinha certeza que ela se imporia. A dúvida era o Valor das histórias. Para mim, o mais importante é que elas valorizem o trabalho do Chico " , declarou Zelito ao Jornal O GLOBO em 4 de Fevereiro de 1972, época de Estreia do Filme ( rodado em Agosto de 1971 ).

.. (.. ) ..Não sei se o filme deu Lucro para Ele ( Zelito ). Nunca conversamos sobre isso. Não ganhei nada pelo filme. Fiz para o meu irmão. Sei que tudo podia ter sido feito muito Melhor e bem mais Engraçado se o Joaquim tivesse, por exemplo, pegado uma Hepatite na filmagem da primeira sequencia. Ele foi o Culpado de o filme ter tido até ERRO DE CONTINUIDADE. Irene Stefânia estava na Cama de Calcinha Azul com bolinhas brancas, e levantava de Calcinha Vermelha ! Foi a maior Gargalhada que o filme Conseguiu.. ", relembrou Chico em sua Autobiografia de 1992.

A Estreia e os Detalhes do Filme, nas Páginas do JORNAL DO BRASIL. 

ANÚNCIO da Estreia Nacional de O DOCE ESPORTE DO SEXO, em 21 de Fevereiro de 1972.

O DOCE ESPORTE DO SEXO acabou sendo Um Filme sem Sucesso, que foi Expressivo á época muito mais pelo " Frisson " de Chico Anysio como estreante no Cinema e Protagonista do que pelo Filme EM SI e o ENREDO das Histórias. Um Filme do tipo TRASH que ao longo dos Anos pode ter se tornado CULT, mas que, tanto na época quanto nos Dias Atuais, Divide Opiniões. 

Os Detalhes sobre o Filme, os Desabafos de Chico, os Episódios Temáticos e O FILME COMPLETO a ser Assistido, já postados no Blog em 22/11/19 >> https://www.memorial-chico-anysio.com.br/l/chico-anysio-o-doce-esporte-do-sexo/

Kerley Fernandes Salguero, ( fã, admiradora e idealizadora de conteúdo para projetos virtuais )