Humor e Experiência

01/07/2020

HUMOR é algo que se renova constantemente, de acordo com os costumes/hábitos/modismos. Assim como novos Profissionais vão surgindo ao longo do caminho.

Muito já se falou neste BLOG, em vários TEMAS deste ESPAÇO, sobre o Humorismo e esse PARALELO entre o ANTIGO e o MODERNO.

RENOVAR é Essencial. Fazer da EXPERIÊNCIA um menosprezo por conta dessas Mudanças graduais.. Não é por aí..


Kerley Fernandes Salguero, ( fã, admiradora, pesquisadora e idealizadora de conteúdo para projetos virtuais )

Quem Leu neste BLOG a Postagem >> https://www.memorial-chico-anysio.com.br/l/estilos-de-humor-antigo-x-moderno/ ou o TEMA https://www.memorial-chico-anysio.com.br/l/chico-anysio-quase-unanimidade/ , pôde conhecer as minhas Opiniões pessoais e refletir um pouco sobre esse Assunto. Sempre fui defensora de que O MODERNO não apaga o CLÁSSICO, nem o CLÁSSICO impede o MODERNO. E o MODERNO, vez por outra, tira proveito dos CLÁSSICOS. Humorismo é para fazer Rir, executado por quem quer que seja ou tratando do que é Velho ou Atual. Mas, muitos consideram o que é Antigo Ultrapassado, como se não coubesse no Esquema Atual.

Chico Anysio foi muito prejudicado nos últimos anos de sua Vida, em grande parte, por causa dessa CRENÇA. Não conseguia Espaço na TV, teve vários projetos rejeitados.. E com muitos outros profissionais existe esse DESCARTE em substituição ao que é considerado MODA, ATUAL.

O Próprio Chico era defensor da EXPERIÊNCIA no HUMOR. Em sua Autobiografia, SOU FRANCISCO, de 1992, declarou : " Muita gente acha que utilizo os velhos comediantes simplesmente para os ajudar. Enganam-se. Utilizo-os muito mais por Esperteza. Eles me ensinam, sempre. Não há dia em que Eu não aprenda uma coisinha a mais com Eles. Creio que isso acontece com todos que os assistem sem o olhar de zombaria. Zombaria, sim, porque, infelizmente há os que veem nos Comediantes da antiga ' COISAS SUPERADAS '. Idiotas, os que pensam assim. A ESCOLINHA DO PROFESSOR RAYMUNDO é chamada por grande parte da Crítica de VELHARIA. Ridículos os críticos que não aprenderam que um programa que apresenta Brandão Filho, Antônio Carlos, Grande Othelo, Zezé Macedo, Walter D'ávila, Nélia Paula, Jayme Filho, Mário Tupinambá, Berta Loran, Nádia Maria e outros desse padrão, não tem por que ser chamado de ' Velharia ' mas de ' Faculdade '.

Vale ressaltar que a ESCOLINHA, juntamente com esses Nomes Consagrados, apresentava Novos Humoristas, que com o passar dos Anos foram tomando seus Espaços na TV e se tornando Experientes. E, até Hoje, em pleno 2020, continua uma das maiores Audiências do CANAL VIVA com suas ININTERRUPTAS REPRISES na grade de Programação ( sem falar do Projeto do REMAKE, que, de uma Homenagem, passou a ser um Humorístico Efetivo, de Temporadas Anuais ! ).

Nos Anos 90, Chico já era Alvo desses Assuntos de ANTIGO e MODERNO : " Começaram a me chamar de Velho, como se Velhice fosse defeito, e a dizer que Eu estava superado - como se isso fosse verdade. " Todas essas conversas, críticas e rejeições fizeram parte dos vários motivos que o levaram a se mudar para o Exterior com a família, em 1997, e Recomeçar a Carreira por lá, como Roteirista. De volta ao Brasil, definitivamente em 1999, uma trajetória final que Todos já conhecem bem..

Chico Anysio, em várias entrevistas, declarou que sempre pensou que, quando chegasse determinada época e a TV GLOBO não quisesse mais seus programas, que ele seria escalado para ser o SUPERVISOR dos Programas Humorísticos da Casa. O PESO de sua HISTÓRIA como humorista após 30 anos dentro da emissora, dava a entender que Ele seria o NOME mais INDICADO para o Cargo. Guel Arraes foi o escalado.

Artistas Consagrados deixaram seus NOMES Marcados na HSITÓRIA. E, Ainda que Chico Anysio não tenha tido o Final de Carreira ( e de Vida ) que Merecia, será ETERNAMENTE o NOME MAIS IMPORTANTE DA HISTÓRIA DO HUMORISMO NACIONAL.