Humor Literário

05/02/2020

O Humor, em se tratando de veículos alternativos, além da Música ( Tema abordado neste Espaço semana passada ! ) também já se aventurou pelo universo dos LIVROS diversas vezes. E não somente Livros de Piadas, mas de Contos e outras histórias de cunho Satírico e/ou Reflexivo. Autor de 24 Livros ao Longo da Carreira ( Vejam ou Revejam em >>https://www.memorial-chico-anysio.com.br/l/chico-anysio-a-arte-de-escrever/), Chico Anysio soube impregnar seu estilo Peculiar de fazer Humor no Ramo Literário, sem se deixar Prender pelo Humorismo o tempo todo. 

Kerley Fernandes Salguero, ( fã, admiradora, pesquisadora e idealizadora de conteúdo para projetos virtuais )  

Quando Chico escreveu seu primeiro Livro, O BATIZADO DA VACA, lançado em 1972, algumas pessoas se surpreenderam, assim como O ENTERRO DO ANÃO, lançado no ano seguinte. Ao contrário do que se esperava, Chico apresentou Contos, vários deles de conteúdo Trágico ( nenhum outro Aspecto mais Presente na Comédia do que Isto ! ). Porém, quem esperava RISOS e mais RISOS, estranhou um pouco.

Depois do Sucesso de vendas de É MENTIRA, TERTA ?, também de 1973, inspirado no Clássico Personagem PANTALEÃO e suas histórias Inacreditáveis, A CURVA DO CALOMBO, de 1974, voltou a surpreender. Um misto de Seriedade e Comicidade, pouca gente Sacou na época a Capacidade de Chico escrever Seriamente e ser Enfático através da Satirização. Esse Aspecto ficou muito claro quando, em 1995, escreveu O ANALISTA, abordando de maneira Cômica a PSICANÁLISE e os Traços do Comportamento Humano. " O Livro de Chico Anysio é Bifactual. Une as Polaridades da extrema Hilariedade pela Forma e da séria Gravidade pelo Conteúdo. ", escreveu o Psiquiatra Marcos Gebara, um dos Profissionais convidados a darem seus Pareceres a respeito do Livro de Chico, lançado em 1996.

Chico Anysio soube se firmar como Escritor, apresentando trabalhos Notáveis, como CARAPAU ( 1978 ), NEGRO LEO ( de 1985, que chegou a Inspirar um Especial Homônimo exibido pela TV GLOBO ), JESUÍNO, O PROFETA ( de 1993, totalmente Lírico e Reflexivo ), e livros como O CANALHA ( 2001, de Cunho Político ) e 3 CASOS DE POLÍCIA ( de 2008 ). Ao mesmo tempo, fazia um Paralelo entre Seriedade e Comicidade, como quando elaborou Conselhos através de suas próprias experiências pessoais em COMO SEGURAR SEU CASAMENTO ( 2000 ), ou o Conteúdo de seus Últimos Livros : FAZEDORES DE HISTÓRIAS ( 2010 ) e O FIM DO MUNDO É ALI ( 2011 ). Humorismo propriamente dito, ficou por conta de Trabalhos como MESA DE BOTECO ( 2005 ) e a Coletânea de Piadas SALÃO DE SINUCA ( de 2004 ).

O Humor Literário, seja de maneira Sutil, ou Sagaz, ou sendo Comédia, é uma forma de Entretenimento que funciona diferente do que acontece na Televisão. O Humor Televisivo, apesar de muitas vezes também Reflexivo, é o INSTANTE. A LEITURA age de uma forma mais Ampla, além da Oportunidade de nos fazer REVISITAR aquela História ( ou Passagem de alguma História ).